O seu e-mail foi enviado

sair

Ocorreram erros, verifique os campos a vermelho

Faltam 500 caracteres

Cancelar

Características dos filhos de Oxumarê

Por Pai Pedro de Ogum


Verger acrescenta que Oxumarê está associado ao misterioso, a tudo que implica o conceito de determinação além dos poderes dos homens, do destino, enfim: É o senhor de tudo o que é alongado. O cordão umbilical, que está sob seu controle, é enterrado geralmente com a placenta, sob uma palmeira que se torna propriedade do recém-nascido, cuja saúde dependerá da boa conservação dessa árvore.

Assim, ao arquétipo de comportamento associado à figura desse Orixá complexo está a tendência à renovação, a compulsividade à mudança. Seus filhos estão entre aquelas pessoas que, de tempos em tempos, mudam tudo em sua vida: mudam de casa, de amigos, de emprego, como se ciclos se sucedessem sempre, obrigatoriamente, exigindo e provocando rompimento com o passado e iniciando diuturnamente a busca de um novo equilíbrio que deverá persistir até num novo momento de ruptura, desintegração e substituição. Mutabilidade, reinício é seu princípio básico, aproximando-o dos mitos ocidentais referentes ao planeta Plutão, o astro da morte, da destruição, da revolução como forma de renascimento e ressurreição.

Também são apontados nos filhos de Oxumarê certos traços de orgulho e de ostentação, algo que os aproxima do clichê do novo-rico, exibicionista, quando surge um grave problema para alguém de sua amizade, e que precisa efetivamente da sua ajuda.


Veja a continuação do artigo na próxima página

Comentários

publicidade
publicidade
Cálculo do signo ascendente

Outros Sites

Site

SAPO Mulher

A angústia da busca da perfeição

Permita-se ser imperfeita e aceite-se como é
Site

SAPO Saúde

A dietista explica

Por que deve comer várias vezes ao dia
Site

SAPO Crescer

Crescimento e comportamento

O que causa a frustração na criança?
Site

SAPO Vídeos

Cerca de 180 segundos com Gustavo Santos

Dicas todas as semanas para viver um dia-a-dia mais feliz
Site

SAPO Zen

Viagem astral

Líssia Pinheiro explica-nos o fenómeno da saída do corpo